A COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA NAS ESCOLAS

By 30 de janeiro de 2018 abril 5th, 2019 #PapoReto

Acolher, propor, transformar, encorajar. Inspirar.  

Abrir os olhos e ouvidos para reflexões e ações. Criar conceitos que reinventem as narrativas cotidianas escolares. Coordenar é convidar a pensar diferente. É incentivar uma outra leitura, um outro olhar, todos os dias. É aproximar o velho do inédito. É saber contornar situações para focar no que importa. É tirar da angústia e devolver à proposição. Criar repertório para ampliar processos de subjetivação e sistematizações de saberes.  

Dar colo, ser firme. Oferecer norte, orientação. Cobrar para cuidar do coletivo. Atribuir pesos e medidas às atitudes. Ensinar os grifos das palavras que realmente importam para fazer avançar. Cultivar parceria, de mãos dadas, lado a lado, liderando ao lado. Assumir a frente dos embates oferecendo amor e generosidade na escuta. Colocar pontos: vírgulas e finais para que ninguém se perca. Entender os tempos. Pensar no presente, alinhado ao passado e atento ao futuro. Coordenar não é mole, não. Coordenar pode ser solitário, pode ser ingrato. Pode. É. Mas nos faz voltar todos os dias, querendo o melhor. Assim é educação: entre contradições e afirmações, vamos sendo o que podemos ser. Pelo mundo, pelas pessoas.   

#PapoReto #🔵🔵🔵  

Marcelo Cunha Bueno é educador há mais de 20 anos, inspirado pelo chão da Escola, especialista em desenvolvimento infantil. 

23 Comments

Leave a Reply